"Escrever é usar as palavras que se guardaram: se tu falares de mais, já não escreves, porque não te resta nada para dizer." [M.S.T.]

17.2.09


Sou uma menina pequenina. Gosto de histórias de amor e de sonhar acordada. Ainda sei brincar com bonecas e anseio que a minha afilhada cresça para lhe ler histórias de príncipes e princesas. Sim, ainda admito o ‘foram felizes para sempre’ e acreditarei ininterruptamente que tudo é possível. Mesmo que me tentem acordar, que gritem pela minha alma e me tentem destronar. Encontro a felicidade nas coisas simples e sinto a vida num fugaz encontro de mãos. Sou uma menina pequenina. Que não vai (querer) crescer nunca.

2 comentários:

  1. se crescer implica deixar de acreditar nisso tudo, então deixem-nos ser pra sempre meninas :) *

    ResponderEliminar
  2. mesmo que algum dia sejas "obrigada" a cresceres mantem-te axim,menina...pequenina ou grande ja vai da maneira como nos olham...com um beijo

    ResponderEliminar

.