"Escrever é usar as palavras que se guardaram: se tu falares de mais, já não escreves, porque não te resta nada para dizer." [M.S.T.]

24.4.09

Aos meus amigos.

Custa-me sempre muito meter tudo numa mala. Principalmente nestas, definitivas. Cada pedaço-de-vida que arrumo faz-me lembrar de tantos-e-tão-doces momentos. Sorrio por entre as lágrimas-de-saudade. Levo-vos comigo neste sonho. Nesta viagem irremediável no final dos melhores quatro anos da minha vida. Obrigada pelos sorrisos, pelas histórias contadas e inventadas nas muralhas de tão grandiosos castelos. Obrigada pelo ar que respirámos sempre unidos. Obrigada pelas loucuras cometidas, apenas porque sim, apenas porque ainda temos idade e desculpa para tal. Obrigada por crescerem comigo, por me ajudarem a crescer, por me ensinarem a respirar fundo e a ir. Obrigada pelos abraços, principalmente pelos abraços-de-alma. Obrigada pelas palavras certas no meio de tanta coisa errada. Obrigada pela vida que construímos de mãos dadas. Obrigada pelas 'terças-feiras loucas'. E pelas quartas, quintas e sextas... Obrigada pelo amor que a amizade despertou e que nunca se apagou. Obrigada, meus amigos. Meus amores.

3 comentários:

.